Marketing de Performance: um mundo de possibilidades para sua agência

Com o surgimento do marketing digital e, posteriormente, do marketing de performance, os processos tradicionais de fazer comunicação passaram por constante transição para se adaptar às novas mídias e aos novos relacionamentos entre empresas e clientes.   

Atualmente, as agências de marketing digital lideram o mercado da propaganda, ao migrar sua atenção para serviços de mídia online em diversos canais, no entanto, o grande diferencial surge com o marketing de performance, ou seja, ações com foco total no resultado final para clientes.

Mas como funciona? Também conhecido como marketing de desempenho, o marketing de performance é um processo de ações estratégicas de marketing digital focadas em obter os resultados que possam ser mensurados através de métricas, como, por exemplo, geração de leads qualificados, funil de vendas, custo por clique, retorno do valor investido e outras ações que englobam todo o processo. 

O sucesso dele se dá pela facilidade em mensurar campanhas online frente à tradicional campanha offline e esse é o principal diferencial da publicidade contemporânea. Antigamente, o cliente investia a verba publicitária anterior à veiculação dos anúncios em revistas, jornais, TV ou em qualquer outro tipo de inserção, independente o retorno sobre o investimento. 

Hoje em dia, os anunciantes pagam apenas por ações bem sucedidas, ou o success fee, remuneração por resultados alcançados a partir de metas de trabalho pré-estabelecidas entre cliente e agência. Isso significa que o valor a ser pago pela prestação dos serviços de mídia online serão pagos conforme o sucesso das mesmas. 

Além disso, com essas ações, o ROI (retorno sobre o investimento) pode ser medido em tempo real e acompanhado integralmente. Ganha o cliente, que diariamente tem informações a respeito do seu investimento; ganha a agência, que cria conteúdo exclusivo para cada cliente com autoridade em marketing digital de alta performance.  

Principais tipos de Marketing de Performance

O primeiro passo é criar processos internos conforme diretrizes de marketing digital e, cada agência tem seus próprios procedimentos para performar, bem definidos. Por isso, estratégias são traçadas com os próprios clientes, mediante verbas e planejamento de mídia. Veja, a seguir, os principais tipos e métricas.

Impressão

Esta etapa é quando a agência entrega as campanhas de anúncios. Assim, ela tem a obrigação de entregar as estratégias acertadas com os clientes.

Clique

Aqui, o usuário interage com a campanha do cliente, ou seja, é o sinal verde para que o cliente perceba que sua estratégia de comunicação está funcionando, atraindo o target desejado.

Engajamento

Nesta etapa, as estratégias surtem efeitos maiores e há uma interação real do usuário com a campanha. É aqui que o usuário passa a ser redirecionado para o site e o próximo passo será tornar-se um lead.

Lead

O lead é o primeiro retorno real que o possível cliente gera para a empresa que está, de certa forma, em busca de clientes. Ou seja, ele está mais próximo de fazer uma compra do que alguém que nunca teve contato com a empresa. 

Geralmente, ocorre por meio de landing pages, e-mail marketing, call to action, estratégias criadas pelas agências de marketing de performance com o intuito de direcionar e induzir o cliente a inserir seus dados no CRM da empresa mediante algum cadastro. 

Venda

Finalmente, a venda acontece! É o momento em que todos os retornos de estratégias acordadas entre cliente e agência acontecem com sucesso. Ganham todos e, com isso, é a hora de já pensar nas próximas ações para, quem sabe, aumentar ainda mais o ROI do cliente.  

Como estratégias de marketing de performance, as agências devem oferecer SEO e Google Ads:

SEO (ações orgânicas) e Ads (anúncios pagos)

As agências devem estar preparadas para traçar estratégias orgânicas com o intuito de ranquear as páginas dos seus clientes nos principais buscadores. Essa é a função SEO (Search Engine Optimization), ou seja, um conjunto de ações para otimizar os mecanismos de busca, especialmente o Google, ranqueando sites, lojas virtuais dos clientes, sem a necessidade de anúncios pagos no Google. 

Os retornos são a médio e longo prazo, então, se o cliente quer ter retornos em um curto período de tempo, o mais indicado é investir em mídias pagas.

Por isso, para os clientes que pretendem investir pesado em anúncios, o Google Ads é a ferramenta utilizada para mostrar sites e lojas virtuais nas primeiras páginas, porém, mediante pagamento. Neste caso, o resultado é a curto prazo e vale todo o investimento!

Ademais, para entender o passo a passo dos processos digitais e saber tudo que uma agência de marketing digital deve oferecer aos seus clientes e prospects, basta clicar aqui!

 

#marketingdigital #marketingdeperformance #marketingdedesempenho #marketing

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *